Pesquisa da Facape aponta aumento de 24% no preço da banana em Petrolina

Publicado em: 14/06/2017

Categoria:

Nos meses de março e abril, a pesquisa que avalia o Índice de Cesta Básica (ICB), realizada pelo Colegiado de Economia da Facape, apontou que o tomate apresentava o maior crescimento no preço da cesta básica em Petrolina-PE e Juazeiro-BA. Mas o que chama atenção na análise realizada no último mês de maio é aumento no valor comercializado da banana, que chegou a 24% em Petrolina.

Na nova pesquisa divulgada pelo Colegiado de Economia, o preço do tomate continua crescendo, mas em taxas menores do que as encontradas em meses anteriores. A margarina, que também apresentava preços em constante aumento, teve uma redução em maio. A carne, após um longo período de reduções, teve uma elevação de preço no mês. O feijão carioca também apresentou um aumento, justificado pela escassez do produto com boa qualidade e baixa oferta no geral.

Outro dado a ser destacado na pesquisa é que a cesta básica  apresentou, na comparação com o mês de abril, inflação de 3,06% em Petrolina. Em maio, o custo da cesta na cidade foi de R$ 337,55, enquanto em Juazeiro-BA, o valor total do gasto foi de R$ 319,25.

De acordo com o Colegiado de Economia da Facape, as variações apresentadas na pesquisa refletem, num mesmo produto, as diferenças de supermercados, marcas, dia da semana e semana do mês na qual a coleta do preço foi realizada. Essas análises servem de balizamento para os consumidores nas suas compras.

Inflação
No acumulado dos últimos doze meses, Petrolina apresenta inflação de 11,67%. No ano, os cálculos indicam inflação de 5,70% na cidade. A pesquisa aponta ainda que, mesmo com os esforços realizados para conter os aumentos de preços e o elevado número de desempregados, o valor dos alimentos continua em escala crescente.

Confira a pesquisa completa: Boletim da Cesta Básica de Maio 2017.pdf